PASTOR MALAFAIA VIRA RÉU POR ESQUEMA DE R$ 1,6 MILHÃO EM EVENTO RELIGIOSO

O pastor Silas Malafaia, líder da igreja Vitória em Cristo, ligada à Assembleia de Deus, virou réu junto com o ex-prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes em uma ação de improbidade administrativa. Segundo a denúncia, a prefeitura aplicou, sem licitação, R$ 1,6 milhão no evento religioso Marcha Para Jesus, em 2012.

A decisão é da juíza Mirela Erbisti, da 3ª Vara de Fazenda Pública do Rio e foi divulgada na última quinta-feira (24). A magistrada recebeu a acusação feita pelo Ministério Público. Na decisão, a magistrada aponta que “há indícios suficientes da participação de cada um dos demandados na prática do ato ímprobo”. Paes, segundo ela, “deveria zelar pelo bom uso do dinheiro público”, assim como o ex-secretário da Casa Civil.

Malafaia, diz a juíza na decisão, “teria se locupletado com o evento, eis que era presidente e representante legal da Comerj, esta a beneficiária direta do ato ímprobo”. “Promovendo seu nome pessoal e a associação, concorreu ainda para o gasto aparentemente irregular do município”. A Marcha Para Jesus é um evento internacional que mistura fiéis de diversas religiões evangélicas, em festa comandada por trios elétricos que reúne centena de milhares de pessoas.

A defesa de Silas Malafaia alega que o pastor evangélico é vítima de “perseguição religiosa”. O próprio Malafaia gravou um vídeo em que ataca a juíza e afirma que ela “não é digna de usar a toga”. Amigo de Malafaia, o deputado e pastor Marco Feliciano se manifestou sobre o episódio. “Quando um membro do corpo de Cristo é atingido todo corpo sente”, lamentou o parlamentar.

Fonte: Pragmatismo Político

ITAPETINGA: ROSEMBERG ARTICULA JUNTO AO GOVERNO E CONSEGUE MAIS 5 FUNCIONÁRIOS PARA O PONTO SAC

Na manhã desta segunda-feira (28) mais 5 funcionários treinados e vindos da capital começaram a trabalhar no Ponto Sac em Itapetinga, no interior da Bahia. A vinda de mais 5 integrantes para a equipe do órgão foi uma resposta do governador Rui e do deputado Rosemberg Pinto ao Prefeito Rodrigo, que meses atrás, por não ter conseguido colocar uma aliada sua para coordenar o Sac, retirou 5 funcionários da Prefeitura que prestavam serviços no órgão, prejudicando totalmente o atendimento dos trabalhos.

De acordo fontes do próprio Ponto Sac, com a chegada desses novos 5 funcionários, a previsão é de que o atendimento volta ao normal. Já fomos informados de que nesta terça-feira (29) serão distribuídas 60 fichas. Antes, eram 50, depois que o Prefeito retirou os 5 funcionários, passaram a ser distribuídas 10, deixando o atendimento totalmente precário, causando até filas na porta do órgão.

No resumo, na manhã desta segunda-feria o deputado Rosemberg deu duas boas notícias para Itapetinga: primeiro anunciou de que a reforma do galpão do governo no Quintas do Morumbi está acontecendo a todo vapor para a instalação da nova fábrica da Suzana Santos. Depois o deputado informou a vinda dos 5 novos funcionários da capital para prestarem serviços no Ponto Sac, para mais agilidade nos trabalhos.

Por Roberto Alves