ITAPETINGA: ELEITORA SE REVOLTA E AGORA SE DIZ “EX-GABIRABA” E DISSE NÃO VOTAR MAIS NO PREFEITO RODRIGO

Por essa o Prefeito Rodrigão não esperava: uma fiel eleitora do ex-prefeito Michel e que votou e fez campanha para o atual Prefeito, revoltada com a péssima administração do gestor, resolveu se pronunciar em um grupo depois que postamos a matéria sobre a perseguição que poderá acontecer com os servidores que criticaram o Prefeito na assembleia do Sinditatiba.

Veja que a agora ex-eleitora disse que também já foi perseguida pela secretária Portela e por Maciel. “Eu até vou me pronunciar logo ex-gabiraba”, disse, no grupo de Whatsapp “Café no Bule” 

Não se contentando, a agora ex-eleitora gabiraba, resolveu dizer para o próprio Prefeito que não vota mais na “nação gabiraba” e depois postou o print no grupo. Veja:

Por Roberto Alves

Seguir...

ITAPETINGA: ADMINISTRAÇÃO TENTA IDENTIFICAR SERVIDORES QUE DENUNCIARAM TRABALHO ESCRAVO E A PÉSSIMA QUALIDADE DA MERENDA, PARA PERSEGUI-LOS

Uma informação fresquinha acaba de chegar ao nosso blog, agora às 19:44h, desta quarta-feira (27), onde nos é informado de que prepostos da Prefeitura estão tentando identificar quais foram os servidores que fizeram duras críticas à gestão do Prefeito Rodrigo na assembleia do Sintitatiba , realizada nesta terça-feria (26) na Câmara de vereadores.

Os corajosos servidores denunciaram desde o trabalho escravo nas creches e escolas; perseguição e até a péssima qualidade da merenda escolar que é servida atualmente. Para completar, os áudios, mudados com recursos eletrônicos, foram reproduzidos no programa na “Hora da Verdade” da rádio Jornal desta quarta-feira, tendo ampla repercussão devido a audiência do programa.

Uma funcionária ainda destacou de que se investe tão pouco na alimentação das crianças na educação e depois vai pro 7 de setembro fazer uma propaganda de que é a melhor alimentação escolar. Eu nem vou mais ao 7 de setembro, pois não aguento mais tanta mentira, eu não aguento mais ficar calada e não poder fazer nada…, desabafou a servidora de uma creche.

Uma coisa é certa: se perseguirem os servidores, a gente vai pra cima. Será que o Prefeito aguenta o tranco? Se quiser tentar, mete a cara!

Por Roberto Alves

Seguir...

A CARTA AUTORITÁRIA E CONSERVADORA DO MEC

O Hino Nacional é o símbolo do País juntamente com a Bandeira Nacional e tem a maior capacidade de mobilizar os sentimentos de brasilidade. Ao tocar o Hino, toca também o sentimento de amor e emoção nos corações dos brasileiros.

A execução do Hino fortalece no cidadão o sentimento de pertencimento, porque a nacionalidade se constitui da soma de elementos de cada parte do Brasil. Cada qual expressa um pouco do Brasil e nele se reflete.

Mas, é extremamente autoritário e conservador, do ponto de vista da formação da sociedade, a orientação do Ministério da Educação (MEC), através de um documento oficial do governo brasileiro com o slogan de campanha do atual presidente da República para que as escolas públicas e privadas do país leiam um texto escrito pelo ministro da Educação e orientem os alunos a, depois do texto lido, todos perfilados diante da bandeira do Brasil, cantar o Hino Nacional e filmar o ato para ser enviado ao governo federal.

Cantar o hino não é o problema. O problema é violar princípios constitucionais como o da legalidade, impessoalidade e da moralidade.

Deputado Rosemberg Pinto (PT)

Seguir...

ITAPETINGA: “EU NÃO SEI ONDE CONSEGUIRAM UMA BOLACHA TÃO INFERIOR PARA DAR AS CRIANÇAS”, DISSE SERVIDORA ESCOLAR

Denunciando a má qualidade da merenda escolar, uma servidora municipal da creche Irmã Dulce na assembleia realizada nesta terça-feira pelo Sinditatiba, não poupou críticas a atual administração do Prefeito Rodrigo (PMDB). A servidora ainda disparou de que no ano passado foi cortada a alimentação dos funcionários. “Tudo bem: a gente leva a nossa comida. A gente pensou assim: vai cortar gastos, a tendência é que se melhorasse na alimentação das crianças, mas infelizmente não é isso que tem sido visto. A alimentação das crianças na creche tem ficado ainda pior… os pais não têm consciência disso, mas a alimentação pela manhã costuma ser somente uma bolachinha de sal ou uma bolachinha de doce com toddy ou café com leite”denuncia a funcionária. Em seu discurso ao microfone ela segue: “eu não sei para onde vai tentar cortar custo nisso, pois a bolacha que ainda dava pra gente comer, hoje em dia ela está imastigável, totalmente sem sabor, é a pior [bolacha], que nem nos mercados se vende. Eu não sei onde eles [administração] conseguiram uma bolacha tão inferior pra dar as crianças…”.

A funcionária ainda destacou de que se investe tão pouco na alimentação das crianças na educação e depois vai pro 7 de setembro fazer uma propaganda de que é a melhor alimentação escolar. “Eu nem vou mais ao 7 de setembro, pois não aguento mais tanta mentira, eu não aguento mais ficar calada e não poder fazer nada…”, disse a servidora.

A funcionária também questiona sobre o investimento da verba da educação. “Possa ser que eu esteja errada: mas está se economizando tanto uma verba que é para a educação, pra que? pra investir no São João? Estourar?” questiona.

Por Roberto Alves

Seguir...