ITAPETINGA: COMO DEM E PMDB VÃO SEGURAR ADRIANO?

adriano alcantaraNotadamente no meio político o pré-candidato a prefeito Adriano Alcântara (PSDB), vem se despontando como um dos nomes mais fortes para disputar a Prefeitura nas próximas eleições. O crescimento do nome do Presidente do Sindicato Rural tem causado um certo incômodo dentro de grupos “aliados”, principalmente nos Democratas, que já têm como praticamente certa a candidatura do pecuarista Renan Pereira (DEM), em acordo com o PMDB. Agora o problema chama-se Adriano; que compõe o bloco “Unidos Por Itapetinga”, cercado por vários partidos no apoio.

O DEM jamais abriria mão de indicar um candidato do seu partido, para apoiar Adriano numa eventual cabeça de chapa. Mas caso isso venha ocorrer, o pré-candidato Renan Pereira, abriria mão de sua candidatura, para declarar apoio ao Presidente do Sindicato Rural?. Adriano já deixou claro que gostaria de ser prefeito de Itapetinga, por outro lado, o pré-candidato Renan Pereira, praticamente fala como se fosse o candidato já escolhido.

Michel, líder do PMDB, já disse que não é homem de ceder a “sela”, quem quiser que monte na “garupa”. O fato é: se se Adriano quiser mesmo ser candidato, sem que algo lhe atrapalhe, que saia pelo seu próprio partido, o PSDB. Ou será que DEM e PMDB vão tentar segurar Adriano Alcântara, como candidato de consenso?

Por Roberto Alves

NATAL! ABRA AS PERNAS…CORAÇÃO, JESUS QUER NASCER

euélio riosDizem que falo pra “burro”, * burrico, mas só os inteligentes conseguem me “ouvir”, compreender; a verdade é, que a função de formador de opinião não é resolver, mas propor enigma, metáforas fazendo o leitor, ouvinte, pensar sem que o tenha de pensar por ele, então abra suas pernas mental, facilite dê chance a sua inteligência , mesmo que o seu potencial seja de 10% “animal”; Abrindo o meu vernáculo lexiogênico natalino, lépido, soltando as amarras, os paradigmas do academismo cultural tradicional espero estar te oferecendo uma nova chave do raciocinar, que abrindo as “pernas” do seu coração se coloque como uma manjedoura, presépio de ante uma cantata angelical, Jesus, o Cristo, possa a estar nascendo! Esta é a razão do Natal, um paradoxo miraculoso quando da visitação do anjo Gabriel, a bem aventurada favorecida Maria, qual abrindo as “pernas” do seu coração cumpriu-se conforme o anunciado a sombra do Altíssimo, Deus, a tomou envolveu-a e num lindo “caso” de amor com sua semente, “Esperma Espiritual” Maria com seu óvulo empresta seu ventre a Deus gestacional, que no contido silêncio montado num *burrico a caminho de Belém, só os inteligentes ouvem e compreendem, e aí sem bisturi ou cesárea, abrindo as pernas num estábulo, pariu rupturando sua virgindade assim nasceu o filho de Deus, o Emanuel, Deus conosco, expressão do Natal! Numa Manhã cheia de inocência, fruto dessa inspiração “crônica” natalina entre beijos e abraços ouço meu filho a perguntar: – Papai, coração tem pernas? Pois ontem à noite o senhor dizia para mamãe – abra as pernas coração, daí como um bom atleta nesse estábulo animal da academia conjugal, fui iluminado como estrela de Belém, que numa magia reinante apresentei a ele os meus trajes verbais como um bom personal trainer.

Expliquei que nessa ginástica marital alguém abre as pernas… Coração; como mentira sem coração tem pernas curtas, isenta de miraculosidade didaticamente mostrei a razão e verdade, que para um filho nascer, uma mulher assim como a Maria para ser mãe originalmente abre as pernas do coração, um legado de Deus de tê-lo como meu filho. Então é Natal! Seja uma estrela de Belém faça brilhar a luz do Mundo cristo, convide-o a nascer nas entranhas do seu coração, enfeite seu viver num mute colorido, tendo Jesus como sua árvore da vida: os cristão da antiga Europa culturalmente usavam o pinheiro retratando essa árvore símbolo natalino. Emite as miríades angelicais celestes alce a voz numa cantata ou coral, abrindo as pernas dançando, saltitando presepe ligando o som do seu coração anunciando a Jesus, assim também coube aos pastores o anúncio das boas novas da salvação, reúna a família e amigos, faça uma grande ceia, saia do seu “Egito se alimentando” de Jesus, o pão da vida, que sem fermento da religiosidade transformou a água em vinho, quiçá prefigurando em champanhe, e podemos brindar sem o cálice da amargura anunciando o natal, seu nascimento, morte e ressurreição, esperando a grande ceia, a Boda do cordeiro, quando Cristo em sua morte fechou suas pernas em um madeiro, esmagando a cabeça da serpente, mas, de braços abertos, no estar consumado pariu gerando sua igreja, que presenteada ao Papai do Céu, eterno, não é um bom velhinho, assim revelado, não teremos mais amigo oculto, então nessa magia, compartilhe, dê Jesus de presente como ouro, símbolo do poder, envolva os que estão em seu entorno como um incenso, simbolizando o seu culto em adoração a ele, perfume sua vida contagiando as pessoas com a mirra, o cheiro suave que é Jesus, o nosso Eterno Natal! A propósito: satanás tem pavor desta data, por isso, ele e os seus não comemoram o Natal.

Euélio Rios
“Abrindo Pernas”, gerando Cristo

O QUE DAREMOS A ITAPETINGA NO SEU ANIVERSÁRIO?

euélio rios

Euélio Rios

Gostaria muito Itapetinga de estender em sua volta uma grande teia de amor, para defendê-la contra os predadores que agem como insetos tentando destruí-la e aniquilar, ofuscando o brilho e progresso que hoje pairam no céu do seu ser. Amar você Itapetinga, é antes de tudo não exigir o que você nos possa dar, mais o de retribuir em civilidade e cidadania, acreditando em seu potencial humano, estrutural que contra todos e a tudo, mesmo nas probabilidades das evidências de sua pequena e frágil estrela do passado, que um dia nasceu, e cadente desceu, crescendo no solo a iluminar mentes, progredindo, avançando, nessa luta do bem contra o presságio do mal, desrespeitando um povo forte que lutou, e hoje vibra ao vencer as adversidades agourentas, que como insetos escaravelhos no buraco negro de tais administrações, nos tratou como estrume nos presenteando com os fétidos pinicão, um marcar de passos sem ideal; o que daremos ou temos dado a você Itapetinga? Conjunto habitacionais com tratamento e esgotamento sanitário T.A.F, ou galerias ditas pluviais abandonadas, a atender a UESB, aos Coroas Country Clube  e a parti daí a céu aberto, surge um esgotão estrumoso, fétido presenteado ao Rio Catolé na área de captação do SAAE, quando o ideal foi saciar com água pura os irmãozinhos de Palmares.

Que daremos a você Itapetinga? Um SAMU 192 com ambulâncias aparelhadas, uma frota nova de tratores, vasculhantes, carro pipa (incêndio), viaturas Polícia Civil e Militar, entre outros, ou uma frota exibida em praça publica, como prova do sucateamento administrativo retrógrado, que marcaram passos sem ideal. Que daremos a você Itapetinga? Uma UPA 24 horas, novos PSF, Centro de Hemodiálise, nefrologia; coisa de primeiro mundo diminuindo o sofrimento e dando conforto aos usuários; que te daremos Itapetinga? Equipamentos de funcionamentos de UTI, dez leitos, no Hospital dito Cristo “Redentor” salvando-o da falência, socorrido pela saúde plena, fruto do governo Jaques Wagner e José Carlos Moura, quando outros hospitais foram fechados na ilicitude, “corrupção” administrativa junto ao INSS; que daremos a você Itapetinga? Um centro de referência e apoio a mulher, Conselho Tutelar atuante, CRAS, CREAS, creche, escola, calçamento, asfaltamento, DPT/IML com uma equipe de técnicos habilitados a atender a população dando suporte  à área jurídica.

O que te daremos Itapetinga? Buscaremos resgatar nossa historia homenageando com um busto em praça pública, ao pioneiro Augusto de Carvalho, ou apagamos da memória “as digitais”, matando nossa identidade cultural fechando o museu de artes, um parque de exposição, um marcar de passos sem ideal, quando também pela clandestinidade oficiosa do seu funcionamento, o ENEMA, o IBAMA exigiram a regulamentação, obrigando o fechamento da Matinha, mas que ressurge um projeto atual arrojado para definitivamente presentear a população um novo Zoobotânico; precisamos de você Itapetinga, em vê-la e faze-la triunfar como consequência do estímulo de homens e mulheres, que ontem, no nosso hoje, reescrevera o seu amanhã feliz com mais vitoria! Quando esses desbravadores e mantenedores sentir-se-ão seguros pela segurança que você Itapetinga nos dar a enfrentar os desafios dessa caminhada em teu solo fértil, porque nos acreditamos nos princípios e valores como primados de um povo que em ti, e para ti, se educou, já sabendo que não temos triunfo sem esforço, por isso, vibramos e cantamos pela sua existência, procurando sempre recuperar o que se perdeu ao longo do tempo, a preencher os espaços, a fim de que tua estrela dística, se fará luz permanente a iluminar a gerações futuras, representado hoje por mais um filho ilustre, o Dr. Roberto Júnior, a lembrar o teu passado Itapetinga, mas vivendo como um presente de Deus o momento descritível do Prefeito José Carlos Moura!

Euélio Rios
Cronista do tempo e no espaço

‘UM DESQUALIFICADO MANDA A JULGAMENTO MULHER ÍNTEGRA’

O teólogo Leonardo Boff, autor de diversos livros e da Teologia da Libertação, que exerceu forte influência sobre o Papa Francisco, escreveu duro artigo sobre o absurdo quadro brasileiro, em que Eduardo Cunha, réu por corrupção e lavagem de dinheiro, abre processo contra a presidente Dilma Rousseff. Leia abaixo:
leonardo boffO Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, é acusado de graves atos delituosos: de beneficiário do Lava-Jato, de contas não declaradas na Suíça, de mentiras deslavadas como a última numa entrevista coletiva ao declarar que o Deputado André Moura fora levado pelo Chefe da Casa Civil Jacques Wagner a falar com a Presidenta Dilma Rousseff para barganhar a aprovação da CPMF em troca de rejeição da admissibilidade de um processo contra ele no Conselho de Ética. Repetidamente afirmou que a Presidenta em seu pronunciamento mentiu à nação ao afirmar que jamais se submeteria à alguma barganha política.

Quem mentiu não foi a Presidenta, mas o deputado Eduardo Cunha. Seu incondicional aliado, o deputado André Moura, não esteve barganhando com a Presidenta Dilma, como o testemunhou o ministro Jacques Wagner. Vale enfatizar: quem mentiu ao público brasileiro foi Euclides Cunha. Imitando Fernando Pessoa diria: Ele,mentiroso, mente tão perfeitamente que não parece mentira as mentiras que repete sempre.

É mentira que seu julgamento foi estritamente técnico. Pode ser técnico em seu texto, mas é mentiroso em seu contexto. O técnico nunca existe isolado, sem estar ligado a um tempo e a um interesse. É o que nos ensinam os filósofos críticos. Ele deslanchou o processo de impeachment contra a Presidenta exatamente no momento em que, apesar de todas as pressões e chantagens sobre o Conselho de Ética,soube que na votação perderia pois os três representantes do PT acolheriam a aceitação de um processo contra ele, o que poderia, depois, significar a sua condenação.

O que fez, foi um ato de vindita reles de quem perdeu a noção da gravidade e das consequências de seu ato rancoroso.

É vergonhoso que a Câmara seja presidida por uma pessoa sem qualquer vinculação com a verdade e com o que é reto e decente. Manipula, pressiona deputados, cria obstáculos para o Conselho de Ética. Mais vergonhoso ainda é ele, cinicamente, presidir uma sessão na qual se decide a aceitação do impedimento de uma pessoa corretíssima e irreprochável como é a Presidenta Dilma Rousseff.

Se Kant ensinava que a boa vontade é o único valor sem nenhum defeito, porque se tivesse um defeito, a boa vontade não seria boa, então Eduardo Cunha encarna o contrário, a má vontade, como o pior dos vícios, porque contamina todos os demais atos, arquitetados para tirar vantagens pessoais ou prejudicar os outros.

Seu ato irresponsável pode lançar a nação em um grave retrocesso, abalando a jovem democracia, que, com vítimas e sangue, foi duramente conquistada. Não podemos aceitar que um delinquente político, destituído de sentido democrático e de apreço ao povo brasileiro, nos imponha mais este sacrifício.

Faço um apelo explícito ao Procurador Geral da República, o Dr. Rodrigo Janot e a todo o Supremo Tribunal Federal: pesem, sotopesem e considerem as muitas acusações pendentes contra Eduardo Cunha nas áreas da Justiça. Estimo que há suficientes razões para afastá-lo da Presidência da Câmara e que venha a responder judicialmente por seus atos.

A missão desta mais alta instância da República, assim estimo, não se restringe à salvaguarda da constituição e à correta interpretação de seus artigos, mas junto a isso, zelar pela moralidade pública, quando esta, gravemente ferida, pode constituir uma ameaça à ordem democrática e, eventualmente, levar o país a um golpe contra a democracia.

Mais que outros cidadãos, são suas excelências, os principais cuidadores da sanidade da política e da salvaguarda da ordem democrática num Estado de direito, sem a qual mergulharíamos num caos com consequências políticas imprevisíveis. O Brasil clama pela atuação corajosa e decidida de vossas excelências, como ultimamente, tem demostrando exemplarmente.

Leonardo Boff, ex-professor de ética da UERJ

ITAPETINGA: RENAN SENDO O CANDIDATO, SÓ RESTA UM “PINGO” PARA OS GABIRABAS…

renan pereira…Ou melhor, para os Gabirabas, resta a vice. O pecuarista Renan Pereira (DEM) entrou no jogo; e continua mais forte do que nunca. Conhecido como um dos maiores estrategistas na política local, o pré-candidato a prefeito de Itapetinga, Renan, conta com apoio total do ex-prefeito José Otávio Curvelo (DEM), e hoje, se destaca como sendo um dos nomes mais fortes da oposição, juntamente com o também pecuarista Adriano Alcântara (PSDB), até o exato momento.

Pessoas ligadas ao pecuarista, batem pé firme: caso não seja Renan o candidato das oposições, não entram na campanha, se tornando verdadeiras “Geladeiras”. Fontes ligadas ao pecuarista nos garantem que em reuniões internas do DEM/PMDB, já é dado como praticamente certo o nome de Renan como cabeça de chapa, e que até mesmo o próprio Michel (PMDB), já teria concordado em indicar um nome para ocupar a vice na chapa do DEM, encabeçada por Pereira. Diante dessas informações de bastidores, o pré-candidato Renan não está perdendo tempo, e vem mantendo um ritmo acelerado de reuniões com sua base eleitoral.

Bom, ninguém deve negar, que na oposição o primeiro a entrar em campo foi o pecuarista Renan Pereira, sendo um dos pré-candidatos com grandes chances de chegar à Prefeitura nas próximas eleições.

Por Roberto Alves
Foto: Marlon Araújo

HAJA SACO! PRA AGUENTAR O “CUNHÃO”

euélio riosData-vênia Doutor, será que o seu direito não se declina em uma cunha a calçar os errados, dando lhes o direito? Ate que por certo o meu pai um dia me falou pra que eu nunca mentisse, mas que errado esqueceu de me dizer a verdade, e olha que mentira tem pernas curtas, mas segundo o meu pai, a mentira faz crescer o nariz, por isso, é que o procurador da República cortou as calças, mas deixou um narigão, um calço desmedido da insustentação da mentira do Cunhão, Presidente da Câmara, que descunhado descalçado da ética e da moralidade, desmascarado, não tem mais sustentação para presidir os “trapalhos” da Câmara; Mas que nesse superlativo grau do direito, com ou sem as vênias do apreço, não o torna absorto, capacitado ao poder o já enfraquecido Cunhão, mesmo anômalo em sua compleição física, balofo, bio-atípico, que diminuto eticamente e moralmente se dizendo cristão, se tornou um saco! no meio evangélico, uma alça de caixão, extraído das raízes do carcomido PMDB, hoje um encosto partidário, na teta do PT, digo poder, perpertuou-se numa velha guabiraba, madeira dura de roer empedernida, com dureza de coração e mente difícil de lapidar, capaz de jogar pedra no telhado dos outros pra se eleger, quebrando suas próprias vidraças, um partido histórico, mas que hoje só restam essas historinhas patranhas da carochinha pra contar.

“Haja saco”! pelo menos foi essa expressão que o Cunhão usou pra mostrar sua impaciência acalorada, junto ao suposto corruptor a ponto de esquentar os ovos num ninho da eclosão, invertendo os papeis genealógicos, parindo contas pra sua prole e matriarca; e haja saco de dólar na Suíça pra aguentar pela vida inteira os Cunhão, que de tanto triunfar a nulidade deve ter sussurrado no meio dos seus pares da desbancada evangélica, quem sabe, pra um Magno que na sua cruz de Malta não adorou a Cristo quiçá, juntos ao Oscilas-uma-Mala-que-Faia, que “faiou” com sua imposição de mãos não ungiu nem um pouco abençoou, daí haja saco de maldição pro Cunhão! Como o sangue de Cristo não lava dinheiro sujo, só pessoas, quiçá também as gravatas das bravatas de um colorido ultrajante, na lavanderia das moedas sujas, não alvejariam e se tornaria inócuas sem valor, não sei se para o gazofilácio, “dízimos” ou construções de algumas igrejas que se tornariam cúmplice, co-autoras, das bênçãos malditas oriundas do Cunhão. Mas deixem de serem bobos! isso todo i…mundo faz, provavelmente, seriam os sussurros pra justificar o comportamento ilícito, só Deus sabe, a mente desses senhores da desbancada evangélica da Câmara dos “disputados” satanista, que tem servido ao deusinho mamon, (dinheiro) adorado nas alturas da corrupção, ajoelhados na cruz da propina e não diante da cruz de Cristo; Concluo esperançoso nessa supra-dita de que, “uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa” Deus ou mamon? Dito posto acunhado, calçados, possamos fazer da moralidade, (moradia) na busca do abrigo ético, nos separando do mundanismo, (imundismo) nos moldando na mente de Cristo como morada ética protetora e permanente do Espírito Santo, para que não venhamos envergonhar como evangélico, a igreja de Cristo para que as portas do inferno não prevaleçam sobre ela. O machado está posto, haja Sacro! Para aguentar o cristão! Mizifi! Saravá! VICE-Maria!

Euélio Rios
Objurgando a favor do Reino

O HIBRIDISMO EM BOI DEITADO É NÃO NASCER VACA

 

euélio riosA genética (herodologia) é a parte da biologia que estuda a hereditariedade, ou seja, a transmissão dos caracteres hereditários; tese cientifica, e ponto final.

Como na lei da física do meu indoutismo acadêmico os contrários se atraem e os iguais se repelem, ou não? Mas que no canibalismo desse laboratório químico da sodomia, funde-se ou confunde macho com fêmea, forjando uma gomorra, contrariando a biologia que órgão excretor é genitália sexual. Com a palavra a família do Noé que não soltou a franga da animaria nem os veados da anomalia “franqueando” a entrada outrora na arca, e conseqüentemente sem passaporte ao céu; mas no meu saudosismo da tropicália soy louco por ti Amélia, essa sim, era mulher de verdade, enveredada por um pau pra toda obra, uma Maria batalhão, fundia e não confundia ao se deliciar com o que a sua Luzia ia fazer atrás da horta, sem se preocupar com os Pepeus Gomes, explorando nos disfarces da canção o seu lado feminino, e ao filosofar, o homem e produto do meio das sua tendências Afrodite, efemina mesmo. Daí o Gilberto e a Preta que é Gil nesse amor colorido da aparição nos meios artísticos de comunicação travou uma luta de capoeira entre os desiguais, não foge da raia em seus modos operandi em dizeres que ser diferentes é normal, cria-se um ponto de interrogação pra ciência.

Estou muito preocupado com os novembros azuis, percebo muita gente nessa iniciação da  insinuação artisticamente querendo modificar o anuário em um so azul, no novembro do seu calendário, o que tem levado muito home-me numa viagem as nuvens, enquanto o outubro rosa os mastologistas com seu jalecos branco, que parece mais um picolé de coco enfiado num palito, friamente só falam em mama das mulheres como se não conhecesse outra fisiologia; por não menos os nossos urologista, macumunados com os proctologistas, uma múmias paralíticas, que só foca o traseiro masculino, já começa seu ritual abrupto calçando uma luva como se fora algo a enfiar o pé, daí com a doença do gigantismo do suposto “dedo médio”, vazelinado num giro de trezentos e sessenta graus, vêem com o tato o que a gente não percebe com os olhos, pelo menos no meu caso o dedômetro penetra por onde astronautas nenhum pousou, e olha que nessa hora muitos dançam o vira-vira do Ney que nesse Mato Grosso decolam, vão as nuvens ao ver estrelas, pegam uma carona e vão parar no mundo da lua, que aluados nesse estrelar, como foguete que pra subir recebe fogo por trás, entram em órbita, se sente leves, flutuando e vezeiros não querem mais sair desse espaço cideral; tanto quando de volta ao seu suposto estado normal, pousa na Terra sorridentes, como produto do meio ambiente em que vivem, andam cadenciados molejantes dada “despressurização”, falam com a língua entre os dentes, pronunciam seus dediques diferenciados, ao encontro dos amigos e familiares que no afan do efeminismo dada delicadeza, se atira nos braços da mamãe dizendo, cheguay! Amor de mãe incondiciona que no cardápio da vida engole (sapos e rãs), daí estupefata retribui, seja bem vinda meu amor!

Euélio Rios
Cronista cômico, nem menor nem maior

 

PIPOCA, O MENINO QUE VOAVA: A HISTÓRIA DE MESTRE ZÊNIO

capoeira mestre zeni 6

Mestre Borracha ao lado de Mestre Zênio

O presente artigo tem a finalidade refletir sobre a contribuição histórico cultural de mestre Zênio, como também sua participação na formatação da resistência negra na cidade de Itapetinga.

A capoeira surgiu no Brasil, como uma forma de resistência dos escravos trazidos da África na época colonial. Além de ser utilizada para defesa física, a capoeira foi uma forma de resguardar a identidade dos povos escravizados africanos. Principalmente porque ela se consolidou no Quilombo dos Palmares. Passou aí a ser vista como uma prática violenta. Por isso mesmo, a capoeira foi proibida por um longo período, precisamente até 1930, quando mestre Bimba fez uma apresentação da luta para o então presidente Getúlio Vargas, que a transformou em esporte nacional brasileiro.

Leia Mais…

ITAPETINGA: ELES NUNCA FORAM PREFEITO, NEM VICE, E TÊM CHANCES…

candidatos jovensA população de Itapetinga começa a dar sinais de que quer alguém novo à frente do Poder Executivo nas próximas eleições. Naturalmente alguns nomes vêm surgindo no meio político local. Um deles é o nome do delegado titular de Itapetinga, o Dr. Roberto Júnior (sem partido), que recentemente transferiu o seu título eleitoral de Itororó para Itapetinga (140 zona), embora não está filiado em nenhum partido, Júnior vem tendo seu nome citado nas rodas políticas como provável candidato a prefeito nas próximas eleições, inclusive, o seu nome ficou em posição privilegiada em um pesquisa feita dias atrás no município.

Outro que tem sangue político é Rodrigo Hagge (PMDB), neto do ex-prefeito Michel Hagge. O jovem reside em Salvador, mas ultimamente tem participado com frequência de movimentos políticos no município, ao lado do seu avô e da sua mãe, a ex-deputada Virgínia Hagge.

Adriano Alcântara (PSDB), também gostaria de um dia ver o seu nome avaliado pela população do município. Presidente do Sindicato Rural de Itapetinga, Alcântara mostra que é liderança, pois em uma provável candidatura reuniria em torno de seis a sete partidos em apoio ao seu nome, formando o bloco “Unidos Por Itapetinga”

O pecuarista Renan Pereira (DEM), foi o primeiro a entrar em campo, visando as eleições municipais de 2016. Dentre os quatro nomes, é o mais experiente, com chances reais de ser o candidato, já que vem fazendo uma trabalho em vários setores da sociedade em busca de apoios para o seu nome, que também apareceu bem na pesquisa de avaliação feita recentemente.

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: ADRIANO É PRÉ-CANDIDATÍSSIMO

alécio visita exposição adriano alcântaraITAPETINGA-BA – Com base nas últimas entrevistas concedidas aos meios de comunicação, o discurso do Presidente do Sindicato Rural de Itapetinga, Adriano Alcântara (PSDB), é claro: ele é pré-candidatíssimo a prefeito nas próximas eleições. Com grande potencial de voto e carismático, o jovem Adriano começa a se despontar no meio político. Alcântara tem sangue político na veia, ele é filho do saudoso deputado Naomar Alcântara (falecido em uma acidente de helicóptero em, 01 outubro de 1982, na comitiva do então  candidato a governador da Bahia, Clériston Andrade).

Adriano vem crescendo politicamente e tem penetração em todas as classes, além de contar com apoio de lideranças fortíssimas, como os filhos de Kalé Rezende, o Presidente do PSDC, Gildásio Queiroz, o pecuarista Henrique brugni, Dr. Jivago Queiroz e diversos fazendeiros, que faziam parte da ala de apoio ao ex-prefeito Michel (PMDB). Setores da própria oposição já fazem questão de elogiar abertamente nos bastidores o potencial do jovem Psdbista.

O nome de Adriano é o que mais reúne partidos na base de apoio em torno de uma candidatura a prefeito de Itapetinga, em torno de seis a sete legendas, isso ficou claro no início do mês, quando o PSDB liderado por Alcântara organizou um encontro denominado de o Bloco “Unidos Por Itapetinga”, levando um bom público ao evento, que aconteceu no Clube dos Operários.

Por Roberto Alves