ITAPETINGA: SE O DEM COMBINAR COM GRUPO DOS SEIS EVITA APOIAR O CÓDIGO E AINDA GANHA A PRESIDÊNCIA DA CÂMARA

É humilhante para o Democratas de Itapetinga, no interior da Bahia, ter de aceitar como parte de um acordo, a proposta de votar no Código Tributário (ferramenta que tramita no Legislativo) para aumentar os impostos no município, uma eventual presidência da Câmara ao partido.

Pela lógica a presidência já seria do DEM. O PMDB mais uma vez engole o DEM. Nas últimas eleições o grupo do atual vice-prefeito Renan Pereira (DEM) e do ex-prefeito Dr. José Otávio Curvelo (DEM), saiu pequeno das urnas – dando uma votação insignificante aos seus deputados Sandro Régis (DEM) e José Carlos Aleluia (DEM).

O DEM tem em mãos  a chance de sair grande e ressuscitar o partido dizendo “não ao Código Tributário” – criticado por toda população. Mas parece que o grupo prefere negociar os votos dos vereadores Fabiano Bahia e Anderson da Nova – a vereadora Naara por sua vez, já vota favorável a aprovação do Código.

Mesmo com toda negociação, o DEM ainda pode perder a Câmara, caso os vereadores Alberto Barbosa (PP) e José Antunes (PSC), que também pensam na presidência, se articularem com grupo dos seis.

Nesse cenário não seria mais fácil o DEM se articular com grupo dos seis, evitar o desgaste de ter que votar favorável ao Código e ainda ter em mãos a presidência? Ou o compromisso com PMDB vai muito além de uma simples presidência de Câmara???

A população tem que estar atenta. Paulo da Geladeira tinha razão. Acorda Dr. José Otávio! vai deixar o ex-prefeito Michel mais uma vez lhe fazer de CABO ELEITORAL? Fica a dica!

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: O QUE LEVOU ADRIANO A SE DECEPCIONAR COM A POLÍTICA LOCAL OU COM SEU GRUPO?

Algo de muito estranho aconteceu ou vem acontecendo no grupo do PSDB de Itapetinga. Na última eleição, o ex-candidato a prefeito e segundo colocado no pleito local de 2016 para prefeito, o pecuarista Adriano Alcântara (PSDB), não apareceu na cena política.

O seu partido, o PSDB, por sua vez, esteve apoiando candidatos a deputado tanto estadual como também federal, mas a figura de Alcântara esteve totalmente ausente.

Racha no partido? Adriano teria perdido o apoio dos fazendeiros? São muitas perguntas que só mesmo o ex-presidente do Sindicato Rural para respondê-las. O sumiço de Adriano dá sinal de que ele estará fora do pleito de 2020, já que ficar de fora do processo estadual e federal e depois aparecer de última hora pode não pegar bem.

Com Adriano supostamente fora, quem herdaria o seu lugar dentro do grupo? A figura de Henrique  Bruning (PSDB), cujo nome fora seu vice na última disputa à Prefeitura? Henrique teria problemas com o atual Presidente do PSDB, o médico Jivago Queiroz, e com Éder Rezende, que sonha em ser prefeito??

Vale lembrar que Rezende, atual Presidente do Sindicato Rural, pegou uma instituição já equilibrada, uma vez que as gestões de Henrique e Adriano foram competentes e geraram frutos. Éder, reconhece isso? Ou não reconhece e deixa Alcântara e Bruning chateados? São questões internas que podem ter levado o fastamento de Adriano do grupo.

O resumo é, que o grupo do PSDB tem sim potencial de chagar à Prefeitura, mas precisa sentar, lavar a roupa suja e ter uma boa conversa, além do mais: deixar claro para a sociedade esse afastamento do ex-candidato Adriano Alcântara.

Por Roberto Alves

VIRADA HISTÓRICA DE SÁBADO PARA DOMINGO DEVE SALVAR A DEMOCRACIA E LEVAR HADDAD À PRESIDÊNCIA

O que está em jogo não é um tradicional embate entre PT e PSDB – adversários históricos, mas que respeitam a democracia. A luta é diferente, e caiu no colo do PT: salvar a democracia e os direitos de uma nação ou a entrega total ao medo e ao ódio. Jesus foi torturado e condenado à morte. Jesus votaria em um torturador???

Durante essa última semana do pleito eleitoral 2018, o Brasil começou a perceber o que o mundo já havia percebido, basta uma rápida pesquisa em todos os jornais, principalmente os de fora do país. Na virada histórica que se intensifica a cada minuto no Brasil, a campanha de Haddad vem recebendo apoio, que jamais receberia em um jogo normal. O jornalista Reinaldo Azevedo e o apresentador Marcelos Tas – figuras críticas ao PT, porém, não se omitiram diante do momento crítico ao país, e vão de Haddad.

A disputa foge à normalidade e coloca em jogo a democracia, que derramamos sangue para conquistá-la. Nessa linha, outra figura chamada Joaquim Barbosa, ex-presidente do STF, disse ter medo e declarou voto em Haddad. “Pela primeira vez em 32 anos de exercício do direito do voto, um candidato me inspira medo, por isso, votarei em Fernando Haddad”, posicionou-se. Outras figuras não simpáticas ao PT, seguem o mesmo.

Uma vitória que deve ser plural e não do PT. Uma Vitória da liberdade. Sim, de adversários do PT, mas que se divergem dentro do campo democrático. Tradicionais adversários do PT, que também precisam de democracia para ganhar do próprio PT no futuro. A vitória é de todas as religiões, raças, crenças e classes sociais, para uma democracia forte.

A vitória é do Brasil de 2018, para não voltarmos ao Brasil 64. A virada histórica está em pleno andamento e se embala a cada instante. Esse é o sinal. Viva o Brasil!!

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: DR. JOSÉ OTÁVIO AINDA NÃO SE PRONUNCIOU DEPOIS DO RESULTADO DAS URNAS

O ex-prefeito de Itapetinga, Dr. José Otávio Curvelo (DEM) ainda não se pronunciou depois do resultado das eleições do último dia 7 de outubro.

O líder do DEM esperava uma votação expressiva para os seus candidatos a deputado, leia -se: Sandro Régis (estadual) e Aleluia (federal) – esse último não fora eleito.

Nos bastidores a decepção do ex-gestor é também com atual Prefeito, uma vez que de acordo o vice-prefeito Renan Pereira (DEM) – pela grande quantidade de supostas emendas para Itapetinga – o Prefeito não foi capaz de dividir o apoio de Lúcio Vieira Lima (PMDB) com Aleluia, preferindo Arthur Maia (DEM).

Para muitos, o desgaste do Prefeito acabou atingindo o grupo do atual vice-prefeito, até pela indecisão do próprio DEM em não ter rachado de forma oficial. As lideranças do DEM conseguiram dar ao deputado Sandro Régis apenas 1.354 votos; já o deputado federal Aleluia conseguiu obter 1.572. A cúpula do DEM jamais cogitou esse resultado, nem em seus piores pesadelos.

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: MUITOS VEREADORES COMERAM DINHEIRO E NÃO DERAM VOTO AOS DEPUTADOS

Muitos vereadores em Itapetinga receberam uma malinha de dinheiro, porém, depois das urnas fechadas, muitos deputados estão frustrados, pois os votos não pingaram.

Ou seja: muitos vereadores voltaram para dentro de suas insignificantes caixinhas, deixando bem claro que não têm voto, estão de desgastados e receberam um recado claro da população: “parem de fazer MERDA!”

Para alguns vereadores e até mesmo para algumas “lideranças” esse pleito político do último dia 07 serviu de uma profunda lição, que jamais será esquecida. Gente que batia no peito e dizia que tinha voto, hoje, pode estar debaixo da cama e com vergonha de sair nas ruas.

Aqui pra nós: as urnas são cruéis, não são??? Ou talvez, não, elas só retratam uma realidade que muitos não conseguem enxergar.

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: QUASE DERROTADO POR TUCA DA CIVIL, O DEMOCRATAS PRECISA REFLETIR

Por apenas 23 votos Tuca da Civil não derrota o DEM em Itapetinga

Conhecido como candidato “copa do mundo” e que jamais investiu uma agulha em Itapetinga, o deputado estadual Sandro Régis (DEM), que nessas eleições teve o apoio do ex-prefeito José Otávio Curvelo (DEM); do atual vice-prefeito Renan Pereira (DEM) e dos vereadores Naara Duarte (DEM); Anderson da Nova (DEM) e de Fabiano Bahia (DEM), passou vergonha em Itapetinga e teve uma votação chulada, alcançando apenas 1.354 votos, perdendo feio para o candidato do ex-prefeito Zé Carlos (PT) e do ex-vice-prefeito Alécio Chaves (PSD), Rosemberg Pinto (PT), que obteve 3.294 votos.

O DEM de Itapetinga se encolhe e deve fazer uma profunda reflexão sobre o recado das urnas às lideranças locais. Um fator interessante é que o candidato Tuca da Civil (PRB) por pouco não derrota o DEM em Itapetinga. Sozinho, sem dinheiro e sem uma liderança para marchar consigo, Tuca conseguiu obter 1.331 votos, tendo uma diferença de apenas 23 votos para o candidato do Democratas, Sandro Régis. 

O comentário nos bastidores é de que o desgaste do Prefeito acabou atingindo em cheio a turma do DEM, uma vez que em em meio a tantos absurdos que vêm acontecendo na administração e o partido não toma uma decisão oficial de rachar com Prefeito ou então declarar que continuará segurando na alça do caixão da Prefeitura, mesmo sendo um “zero à esquerda” perante a administração municipal.

Prova disso foi o deputado federal José Carlos Aleluia (DEM), que o Democratas passou o tempo todo anunciando SUPOSTAS emendas para Itapetinga e também não obteve sucesso nas urnas locais, tendo simplesmente 1.572 votos, também sendo derrotado para o federal do ex-prefeito Zé Carlos, o petista Jorge Solla, que obteve 1.761 votos. Para piorar a situação, Aleluia não conseguiu se eleger e nem o seu filho.

Paulo da Geladeira tinha razão. Em resumo: com desgaste do Prefeito que acabou atingindo o DEM, Renan e Dr. José Otávio precisam urgentemente fazer uma cuidadosa e profunda reflexão política.

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: CONTRA A CORRUPÇÃO, GERALDO TRINDADE DEVE APOIAR LÚCIO VIEIRA LIMA

O mais fiel secretário do Prefeito Rodrigão de “Salvador” (PMDB), o ex-homem de confiança do ex-prefeito José Otávio Curvelo (DEM), Geraldo Trindade (DEM/PMDB???), deu um a zero em Aleluia (DEM) e deve apoiar o irmão de Geddel, o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB).

Geraldo toda vez que vai ao rádio costuma dizer que é contra a corrupção e tem um discurso ferrenho contra petistas.

Ultimamente o secretário que tem pretensões em ser prefeito de Itapetinga, tem se mostrado fiel aos Hagges e abandonou de vez seus velhos amigos de luta do DEM, o vice-prefeito Renan pereira e o ex-prefeito José Otávio Curvelo.

No estadual Geraldo também se negou em apoiar o candidato do DEM de Dr. José Otávio, que é Sandro Régis. Magoados com Geraldo, Renan Pereira e Dr. José Otávio querem ver o capeta, mas não querem ver Lúcio e nem querem muito contato com Geraldo.

E pensar que na eleição passada essa turma se abraçou e morria de amores uns pelos outros. Coisas da política.

Por Roberto Alves

FILHO DE BOLSONARO NÃO COMPARECE EM CARREATA REGIONAL EM ITAPETINGA

A  hipocrisia de alguns “Evangélicos”. Apartamento funcional “pra comer gente”

Com carros de Itambé, Itororó, Firmino Alves, Vitória da Conquista, Macarani, Itarantim, Maiquinique, Ribeirão do Largo, Floresta Azul, Potiraguá, Caatiba e outras cidades da região, apoiadores do candidato Bolsonaro (PSL) realizaram uma carreata em Itapetinga no final da tarde deste domingo (23).

A carreata teve o apoio  e a ajuda das oligarquias locais ligadas aos partidos do golpe e que já estão perdidos nas urnas. Partidos como PSDB e PMDB e outros, que formam o consórcio golpista a nível nacional, não têm mais nenhuma esperança de vitória nas urnas. Na Bahia, o DEM, partido aliado também sofrerá uma derrota humilhante para o PT. Resumo: a turma do golpe está sendo derrotada.

Bolsonaro e Haddad (PT) no segundo turno, ESSE É O PIOR CENÁRIO para a turma da direita, tendo alguma mulheres – mesmo sabendo que o candidato as desrespeita – e aluns evangélicos tendo que se humilhar em apoio a Bolsonaro, que defende a tortura. Para quem acredita na bíblica: “NÃO MATARÁS?”

Para quem “DEFENDE A FAMÍLIA”, Bolsonaro disse que usava o apartamento funcional pago com dinheiro do auxílio moradia (nosso dinheiro), “pra comer gente”. A esposa dele e os filhos ouviram isso. E você, “EVANGÉLICO”, que “DEFENDE” a família, ouviu??? Para de HIPOCRISIA. Estou aberto ao debate.

Por Roberto Alves 

ITAPETINGA: EM INAUGURAÇÃO DE COMITÊ PREFEITO NÃO FAZ DISCURSO EM “COMBATE À CORRUPÇÃO”. SERÁ POR QUE???


Na última sexta-feira (15), ao lado de Lúcio Vieira Lima (PMDB) – irmão de Geddel – o Prefeito Rodrigão de “Salvador”, como é mais conhecido, por suas constantes idas à capital, inaugurou o comitê do “Bitelo” em Itapetinga. Ou foi de Arthur Maia (DEM)??? O grupo tem o apoio do “presidente” Michel Temer (PMDB).

Bom, o fato é que também ao lado do candidato indicado pelos Vieira Lima ao governo do estado, o desconhecido João Santana (PMDB) – que aparece com 1% nas pesquisas, tanto o Prefeito como também o seu avô, o ex-prefeito Michel (PMDB), não disseram um “A” sobre “combate à corrupção”. Será por que???

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: ONDE ESTÁ A FÁBRICA DE COCA-COLA QUE FOI PROMETIDA NA TERRA DO JEGUE???

A tão prometida fábrica de Coca-Cola pela atual gestão municipal, nos fazem lembrar outra fábrica que ficou no imaginário cultural do eleitor Itapetinguense e virou piada: a fábrica de RAPADURA, lembra??? “DE FORMAS QUE”, o ex-prefeito “Gabiraba” que prometia “CAVAR VERBAS” e “TOMAR AS CABECEIRAS”, nunca plantou um pé de cana e a fábrica de RAPADURA entrou para história.

Em tempos de MASSACRE DE JUMENTOS em terra firme de “GADO FRACO”, as tão prometidas FÁBRICAS e INDÚSTRIAS nunca desceram do palanque e vão virando mais uma mentira no imaginário do eleitor, que vem sendo enganado. Fugindo da enganação, quase 3 mil pessoas já abandonaram a cidade por falta de emprego.

As promessas da atual “gestação”, digo: gestão, estão fazendo com que o Prefeito Rodrigão de “Salvador” (PMDB) se cale e não dê explicações. Onde está a geração de emprego e renda?? Continua no palanque???

A “Fila da Morte” é logo ali no CDM. Salve, salve, senhora e senhores que levantam às 02:00h da madrugada e ficam até às 09:00h da manhã e não conseguem marcar um exame. Outro agravante na ex-capital da pecuária é ir aos postos de saúde e não encontrar medicamento. É o desastre de uma gestão que prometeu o céu e deu o inferno. Agora abra uma Coca, e não me traga churrasco de jegue!

Por Roberto Alves