GOVERNO MOSTRA FORÇA, E O GOLPE DA DIREITA MORREU…

As manifestações em defesa da democracia, do governo Dilma Rousseff e da Petrobras, puxadas pela CUT, MST e UNE, movimentaram 24 Estados e o Distrito Federal nesta sexta (13); bandeiras com o nome da presidente eram frequentes e os discursos contra qualquer possibilidade de golpe e de um impeachment dominaram todos os atos; em São Paulo, onde ocorreu a maior movimentação, mais de 40 mil pessoas foram às ruas, segundo o Datafolha; grande adesão aos atos surpreendeu até o governo, que temia conflitos com grupos contrários a Dilma, mas todas as manifestações foram pacíficas; mesmo que a marcha deste domingo (15), capitaneada pela oposição seja bem-sucedida os atos deste 13 de março revelam que o governo da presidente Dilma tem um forte bloco de apoio e que qualquer iniciativa golpista será rechaçada nas ruas; em outras palavras, o golpe morreu.

manifestantes apoiam dilma 3Em São Paulo, onde ocorreu a maior concentração, com 41 mil pessoas, mesmo sob muita chuva, os ativistas gritam palavras de ordem como “não vai ter impeachment, não” e “fica Dilma”. As pautas dos movimentos foram a defesa dos direitos dos trabalhadores, a defesa da democracia e o repúdio ao impeachment, contra a privatização da Petrobras e a punição dos corruptos juntamente de uma reforma política que acabe com o financiamento empresarial de campanha.

“A CUT e os movimentos estão habituados a construir suas reivindicações nas ruas, e o faremos sempre que a democracia estiver em perigo. Sempre que houver aqueles que não aceitam a vontade da maioria, nós estaremos nas ruas fazendo enfrentamento pelos nossos direitos“, disse Vagner Freitas, presidente da CUT, que disse que este é apenas o primeiro de outros atos.

Segundo ele, o movimento social saiu às ruas para apoiar a presidente Dilma Rousseff e pressionar pelos direitos dos trabalhadores. “Ela precisa de aliança com os movimentos sociais, operários, trabalhadores”, disse. “Ela tem as dificuldades de um governo muito heterogêneo, um congresso conservador, e que fica impulsionando a presidenta a tomar medidas impopulares, que não condizem com o discurso com que ela se elegeu”, afirmou.

O secretário de Organização do PT, Florisvaldo Souza, disse que os atos convocados pela CUT e o MST em defesa da democracia funcionaram como um marco em relação ao programado para o domingo contra o governo de Dilma Rousseff. Florisvaldo admitiu que a cúpula do PT chegou a sugerir que os organizadores cancelassem as manifestações desta sexta-feira. Mas hoje reconhece que a iniciativa foi importante. “Ficou demarcado que os golpistas estão do lado de lá”, disse ele.

Mesmo diante da força do ato, o senador Álvaro Dias (PSDB), um dos maiores apoiadores do golpe, disse ao Jornal Nacional que as manifestações foram “fracasso de público” e “prova da impopularidade do governo Dilma”.

No Rio

No Rio de Janeiro, cerca de 1 mil pessoas participaram do ato. Os manifestantes caminharam em direção à sede da Petrobras, onde o grupo fez um abraço simbólico e cantou o Hino Nacional na porta do edifício. Em seguida, gritaram “viva Dilma”. Após alguns minutos na frente do prédio, alguns manifestantes voltarão para a Cinelândia. Outros continuaram no local. João Pedro Stédile, líder do MST, se disse feliz com o que chamou de “jornada cívica em todo o país”.

O ativista defendeu a presença do povo nas ruas, conforme pedido feito pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em ato recente na Associação Brasileira de Imprensa (ABI). “A rua é o único espaço em que o povo pode discutir política. O Parlamento é dos deputados, os palácios são dos eleitos. A rua é democrática e da paz. Quem é violento no Brasil sempre foram os poderosos. A elite que não aceita repartir com os trabalhadores a riqueza e o poder.”

Em Brasília

A manifestação a favor da presidente Dilma e contra a política econômica dela, convocada pela CUT, reuniu cerca de mil pessoas, segundo a PM, e os manifestantes, em Brasília. Os integrantes do movimento se encontraram na rodoviária da capital sob forte vigilância da polícia. As palavras de ordem eram a favor da presidente, contra o golpe, mas também contrárias ao ajuste fiscal, atribuído ao ministro da Fazenda, Joaquim Levy. Ao longo de toda a tarde não foram registrados confrontos.

Manifestações no Nordeste

As manifestações do Dia Nacional de Lutas em Defesa dos Direitos dos Trabalhadores, da Democracia, da Petrobras e pela Reforma Política ocorreram também em estados das regiões Norte e Nordeste, onde foram organizadas pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e tiveram participação de entidades como o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

Em Salvador, o ato ocorreu na parte da manhã e teve a presença do ex-presidente da estatal José Sergio Gabrielli. Em discurso, assim como tinha feito ao depor ontem (12) na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras, Gabrielli voltou a dizer que os desvios de recursos da empresa, investigados pela Operação Lava Jato, não tinham como ser detectados. “A Petrobras é uma empresa séria, que tem um sistema de controle. Portanto, não poderia capturar nos seus mecanismos de controle o comportamento criminal de alguns, que fizeram conluio e os comportamentos inadequados fora da companhia.”

Em Fortaleza, a manifestação ocorreu na Praça da Imprensa, no bairro Aldeota. Os participantes seguiram em passeata pela Avenida Desembargador Moreira e pediram também reforma política. Segundo a Polícia Militar, cerca de 500 pessoas participaram do ato. Representantes da CUT, que organizou a manifestação, estimaram que aproximadamente 3 mil pessoas estiveram presentes.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, as manifestações foram pacíficas e não houve registro de incidentes. Os policiais acompanharam os manifestantes, que seguiram da Praça da Imprensa até a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará.

Em Alagoas, 5 mil pessoas, segundo a CUT local, e 1.800, de acordo com a Polícia Militar, participaram de uma passeata pelas principais ruas de Maceió. A manifestação teve a presença de caravanas do interior do estado. O ato teve início às 9h e terminou às 13h30. Segundo a polícia, não foram registradas ocorrências.

No Acre, por causa da enchente que atinge parte da capital em função do transbordamento do Rio Acre, a manifestação ficou restrita aos locais de grande circulação de pessoas, como áreas comerciais e o Terminal Urbano de Rio Branco. De acordo com a representação da CUT no estado, 50 pessoas participaram do ato.

No Amapá, a forte chuva que atingiu pela manhã a capital, Macapá, obrigou a organização do movimento a alterar a programação. Em vez de percorrer algumas ruas da cidade, os manifestantes se concentraram, das 8h às 12h, na Praça da Bandeira. O evento reuniu cerca de 300 pessoas, segundo a CUT.

Em Belo Horizonte, a CUT informou que a manifestação começou por volta das 16h, saido da Praça Afonso Arinos rumo à Praça Sete. Além da CUT e de outras centrais de trabalhadores, o MST e outros movimentos sociais e estudantis participaram do ato. A CUT estima que cerca de 5 mil pessoas tenham participado da mobilização. 247

MANIFESTANTES GRITAM EM APOIO A DILMA E DIZ NÃO AO IMPEACHMENT

manifestantes apoiam dilma

Manifestantes gritam em apoio a Dilma

Manifestantes ligados a centrais sindicais e movimentos populares promoveram atos em 23 Estados e Distrito Federal, nesta sexta-feira,13. Os manifestantes condenaram pedidos de impeachment.

PROFESSORES MANIFESTAÇÃO PAULISTAOs atos pelo País foram organizados pela CUT, que declaram claramente contrário ao impeachment. As manifestações contam com apoio de partidos como o PT,PC do B e PSOL, além de integrantes do Movimento Sem Terra (MST) e de outros sindicatos e movimentos sociais.

ITAPETINGA: DR. JOSÉ OTÁVIO DISSE QUE NUNCA SE JUNTARIA A MICHEL, E AGORA DR???

michel

Será que Dr. José Otávio esqueceu tudo que Michel fez com ele???

PALAVRAS DE DR. JOSÉ OTÁVIO SOBRE MICHEL: “eu, não tenho rancor, eu sou destituído de ódio; agora eu tenho vergonha, eu tenho um nome a zelar em Itapetinga. Todos conhecem a minha seriedade, a minha honestidade… então eu jamais poderia estar com pessoas que denegriram a minha imagem quando fui prefeito, e logo após, se vocês se lembram bem daquela EXPOSIÇÃO DE “LATA VELHA” ENFRENTE À PREFEITURA logo após a minha saída. AQUILO ALI EVIDENTEMENTE QUE NÃO É DIGNO DE PESSOAS SÉRIAS fazerem o que fizeram. Participar de um ato com outras pessoas que fizeram o que fizeram comigo é questão de foro íntimo EU SEMPRE DISSE HÁ MUITO TEMPO QUE ‘ÁGUA NÃO MISTURA COM ÓLEO’, E NÃO MISTURA MESMO, eu tenho a minha personalidade, tenho a minha formação, eu tenho um nome, há 45 anos aqui zelando por este nome em Itapetinga, NÃO ERA DE REPENTE POR UM PROBLEMA POLÍTICO QUE EU IRIA DESFAZER DE TUDO”, disse Dr. José Otávio, em uma entrevista, 09.06.2012. O áudio tá disponível para quem se sentir ofendido.

O ex-prefeito José Otávio Curvelo, nas últimas eleições, resolveu perdoar o também ex-prefeito e seu maior inimigo político, Michel Hagge, tudo isso em nome de Paulo Souto, que foi candidato ao governo do estado, e mais uma vez foi derrotado. MAS SE O CANDIDATO TIVESSE SIDO GEDDEL, SERÁ QUE HAVERIA ESSE “APERTO DE MÃOS” ENTRE MICHEL E ZÉ OTÁVIO???

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: CAPS II COMEMORA 14 ANOS DE EXISTÊNCIA

ITAPETINGA-BA – O CAPS II, completou 14 anos de existência. A festa de comemoração aconteceu nesta quinta-feira (12.03). A instituição que fica no bairro Vila Riachão atende em média 300 usuários, todos com direito a café da manhã, almoço, lanche no período da tarde, medicamentos e assistência de toda equipe, inclusive com médicos.

A programação começou com um café da manhã, logo depois, apresentação da Caravana da Cultura, uma homenagem foi prestada aos ex-funcionários do CAPS II, além de um filme, que foi exibido com fotos dos momentos do CAPS.

betânia caps 2 equipeA coordenadora Betânia Gama, reconhece o apoio da Prefeitura de Itapetinga para que a instituição continue prestando serviços à comunidade, “como eu digo e não canso de dizer: sem o apoio dessa gestão, esse CAPS não estaria como está. Tivemos muitos momentos aqui de dificuldade antes da gestão do Prefeito Zé Carlos, mas hoje em dia, o CAPS tem alcançado metas maravilhosas; o que realmente preconiza o serviço, é ver esses usuários bem, e eles estão, graças a nossa equipe que é empenhada”

cida e usuários do caps 2A usuária Solange Souza Lago, elogiou o trabalho do CAPS, eles nos alimentam de uma esperança que há muitos anos eu não tive, assim também como muitos outros”. A primeira dama Cida Moura, também destacou o apoio que o poder municipal tem dado à instituição, “quem quiser ver o que é o trabalho do CAPS, vem aqui. E o nosso Prefeito, graças a Deus, tem dado muito apoio ao CAPS”, concluiu Cida.

por Roberto Alves
Foto: Cidade Acontece

Leia Mais…

PROTESTO NO RIO CONTRA DILMA REÚNE 39 PESSOAS…“É SUCESSO”

protesto_1Cerca de 20 manifestantes se reuniram, por volta das 16h desta quarta-feira (11), na Candelária, no Centro do Rio, para protestar contra Dilma Rousseff. O grupo pede o impeachment da presidente e convoca para outro protesto, neste domingo (15).

A manifestação, acompanhada por curiosos e por aproximadamente 200 PMs, foi marcada nas redes sociais saiu em passeata às 16h30. A Avenida Rio Branco chegou a ser fechada pelo grupo, que seguiu em direção à sede da Petrobras, na Avenida República do Chile, onde chegaram às 17h.

Chegaram até à empresa 39 pessoas, sendo 15 delas segurando cartazes.

Além do impeachment, o grupo Revoltados Online, que convocou o ato, manifesta apoio aos caminhoneiros e ao juiz Sergio Moro, à frente da Operação Lava Jato, que investiga a corrupção na Petrobras.

Protesto39sucessoSegundo Marcelo Reis, o protesto seria marcado para o dia 13, mas foi adiantado devido à manifestação da Central Única dos Trabalhadores protocolada para o mesmo dia. ele também descartou, por enquanto, a intervenção militar, defendida por alguns manifestantes.

“Vamos fazer um abre-alas para o protesto do dia 15. O povo acordou”, afirmou o fundador da página Revoltados Online, Marcello Reis.

Segundo ele, o protesto seria marcado para sexta-feira (13), mas foi adiantado devido à manifestação da Central Única dos Trabalhadores (CUT), protocolada para o mesmo dia.

No final do ato, os manifestantes deram parabéns à polícia militar. “Eles são responsáveis por manter a ordem, já que nós somos pacíficos”, afirmou Marcello Reis, que considerou o evento “UM SUCESSO”.

Fonte: Brasil29

ITAPETINGA: TRIBUNA POPULAR FOI UTILIZADA NA SESSÃO DESTA QUINTA-FEIRA

renan coelho, valdeir chafas e zé antunes

Vereadores Renan Coelho, Valdeir Chagas e Zé Antunes

ITAPETINGA-BA – O Presidente do Legislativo, Valdeir Chagas, presidiu mais uma sessão Ordinária na noite desta quinta-feira (12.03), no Plenário Ulisses Guimarães, da Câmara de Vereadores de Itapetinga. Na oportunidade a Enfermeira Mara Neci Santana, utilizou a Tribuna Popular, para convidar Vereadores e comunidade para participarem de Audiência Pública, que será realizada no dia 18 próximo, às 9h, na Loja Maçônica Amor e União Itapetinguense, promovida pela Defensoria Pública, com o objetivo de discutir o fechamento das Dires na Bahia e construção da saúde pública no estado.

Após a participação de Mara Neci, os vereadores expressaram suas opiniões sobre o assunto e fizeram seus questionamentos, que foram respondidos pela enfermeira, finalizada a participação da Tribuna, a ata da sessão anterior foi submetida à votação, apresentação das matérias do pequeno expediente, apresentação de documentos e registros e grande expediente.

A Tribuna Popular pode ser utilizada por qualquer pessoa para discussão de assunto de interesse da comunidade, desde que a solicitação da referida utilização seja feita com antecedência e agendamento na Secretaria do Legislativo.

Por Márcia Aguiar
Foto: Cidade Acontece

ITAPETINGA REINANDO EM CRISTO…

cachoeiraITAPETINGA-BA – Como o objetivo de despertar espiritualmente à Igreja para o cumprimento da ordem missionária de Jesus Cristo, constante na Palavra de Deus, no que diz respeito à propagação do Evangelho e alcançar, por meio da evangelização, milhares de vidas para Jesus, levando-as ao crescimento espiritual e unificação da comunidade evangélica itapetinguense, será realizado dias 13, 14 e 15 de março, na Igreja Cristo Reina, o Projeto ITAPETINGA REINANDO EM CRISTO.

O evento é gratuito e começará no dia 13 de março, sexta, a partir das 19:00h com muito louvor, pregações, testemunhos, coreografias, peças teatrais, entre outros, e contará com a participação do Ministério Louvor no Altar, MC Kal e Mano Jota, e pregações do Pr. Márcio do Ministério Apascentar da cidade de Iguaí-Ba, Pr. Agnaldo Vieira da Tenda dos Gideões de Camboriú,-Sc e Pastora Mirtes da Igreja Cristo Reina, responsável pelo evento.

A Igreja Cristo Reina fica localizada na 2ª Travessa Espírito Santo, no bairro Vila Rosa.

LEI DO CASTIGO OU A REDE BAHIA ESTÁ QUEBRADA?!

sinterpSeja lá o que for não somos responsáveis! O clima é de pura tensão na Rede Bahia! Dezenas de trabalhadores do grupo estão sendo demitidos sem motivos ou qualquer tipo de justificativa convincente. Os trabalhadores estão cada vez mais tensos sob a pressão psicológica que vêm sofrendo nos últimos dias com a ameaça de demissões no grupo, e se perguntando quem e quantos mais serão afastados com essa chamada “adequação, readaptação ou reestruturação da Rede”. Para os trabalhadores, tanto faz! Nenhuma delas nos favorece, só vieram como perturbação para os que produzem os resultados positivos no IBOPE e no faturamento da empresa.
Como já era de se esperar, essas mudanças repentinas só serviram para estabelecer o que já sabíamos: a empresa entra com a “seringa vampiro” e uma guilhotina. Já os trabalhadores com todo suor derramado, o pescoço e todo sangue doado.

Como consolação para o sofrimento, os funcionários  receberam a chamada “adequação” no plano de saúde com um reajuste fora da realidade de qualquer trabalhador, em seguida os patrões descarregaram toda a pressão para o pagamento das diárias de viagens nas atividades externas, obrigando-os a fabricar notas para prestação de contas. Como prato de entrada, aplicou um reajuste no valor das refeições à véspera de uma negociação coletiva sem qualquer reajuste oferecido no salário.  Para sobremesa a “readequação” nas horas extras que não deixa de ser um banco de horas disfarçado, sem o devido pagamento. Para o desjejum, o trabalhador sai de casa às  4h da manhã, mas  só bate o cartão de ponto às 6h. Para piorar a tensão do trabalhador, a empresa não cumpre as 11 horas de intervalo de uma jornada para outra em determinadas atividades.

Será que uma das principais repetidoras da Rede Globo (A Rede Bahia) resolveu castigar seus trabalhadores após os últimos resultados políticos? Ou os cortes anunciados na redução das verbas publicitárias pelo Governo Federal atingiu o grupo?  Seria o medo da aprovação da Lei de Mídia que quebra a concentração dos monopólios nos Meios de Comunicação? Será que a REDE chegou ao fundo do poço? Esperamos que não!! Porque desta forma estaria sacrificando centenas de trabalhadores injustamente e condenando milhares de famílias a desistirem dos seus sonhos.

O SINTERP/BA em nome da categoria dos Radialistas profissionais do Estado da Bahia afirma que os trabalhadores não são culpados por nada, apenas cumprem com seus deveres! Exigimos respostas através dos Órgãos competentes. Por esta razão a direção do Sindicato solicitou uma discussão no MPT às 15h30min do dia 12/03/2015, a fim de obter esclarecimentos por parte da empresa.
SINTERP/BA – SINDICATO DOS TRABALHADORES EM RÁDIO, TV E PUBLICIDADE DO ESTADO DA BAHIA.

ITAPETINGA: CRAS DA VILA RIACHÃO REALIZA PRÉ-CONFERÊNCIA

pré-conferência 11

Pré-Conferência Livre realizada no CRAS da Vila Riachão…

ITAPETINGA-BA – Dando sequências as Pré-Conferências, que a Prefeitura de Itapetinga, através da Secretaria de Desenvolvimento Social está realizando em todos os CRAS, nesta quarta-feira (11.03) foi a vez do CRAS da Vila Riachão realizar a sua Pré-Conferência com a participação do Criança Feliz e o grupo do Manuel Novaes. “Nós procuramos deixar que os adolescentes explicassem, ficamos só como os facilitadores, por isso, a Pré-Conferência foi muito produtiva”, destacou a psicóloga Isa Cesar.

pré-conferência 3“Eu trouxe as propostas das crianças e dos adolescentes, que eles queixam que precisam de lazer, esporte. Fiz meu trabalho, tô indo pra casa com a sensação do dever cumprido”, acrescentou o adolescente Lucas de Souza, morador da comunidade.

O conselheiro Silêncio Filho, esteve representando o CMDCA, “nós falamos para essas crianças que elas também precisam contribuir, mantendo a cidade limpa. Se o adolescente não manter a conservação, ficará difícil manter o ambiente organizado”, disse. Nesta quinta-feira (12.03) a Pré-Conferência será realizada no CRAS do Américo Nogueira, das 8 às 10:30h.

Por Roberto Alves
Foto: Fábio Nogueira

sil~ecio isa cesar Leia Mais…

ITAPETINGA: “NA REALIDADE FALTOU PRESTÍGIO POLÍTICO DOS EX-PREFEITOS”, DIZ ATUAL PREFEITO SOBRE O DPT/IML

DPT IML 5

Prefeito José Carlos Moura colocou água em Palmares e trouxe o DPT/IML para Itapetinga…

ITAPETINGA-BA – Esta semana o Prefeito José Carlos Moura, esteve visitando a obra do DPT/IML, que está em fase final de conclusão. Ao ser questionado por nossa reportagem em relação aos ex-prefeitos José Otávio Curvelo e Michel Hagge, de não terem conseguido colocar água encanada do Rio Pardo em Palmares e principalmente não terem conseguido trazer o DPT/IML para Itapetinga, o atual gestou disparou: “tem bananeira que já deu cacho e bananeira que nem cacho deu, na verdade são essas pessoas que me criticam. Faltou prestígio político dos ex-prefeitos”, disse.

O governador Rui Costa, já disse que estará presente na inauguração do DPT/IML, assim também como o deputado estadual Rosemberg Pinto, que foi um dos que lutou para que a obra se tornasse uma realidade no município.

O Prefeito Zé Carlos, também fala com empolgação sobre a Clínica de Hemodiálise, que brevemente será inaugurada. “As pessoas saem daqui e vão a Vitória da Conquistas, ou a Itabuna, com a inauguração da Clínica de Hemodiálise, elas vão ser atendidas aqui mesmo em Itapetinga, mas meus adversários ainda me criticam”, alfinetou.

O Prefeito ainda alertou, que a Passarela do Ponto Certo, por exemplo, era para ter sido construída na gestão do ex-prefeito Michel Hagge , que na época, foi uma verba que o ex-deputado federal Edigar Mão Branca havia colocado, mas o ex-prefeito Michel, não fez o projeto, e o dinheiro retornou aos cofres do governo federal. O ex-prefeito Michel Hagge, na época, tinha como deputado federal, Geddel Vieira Lima.

Por Roberto Alves
Foto: Cidade Acontece

Leia Mais…