ITAPETINGA: “EU FUI VÍTIMA DE ‘FOGO AMIGO'”, DISPARA EX-SECRETÁRIO

O ex-secretário Municipal de Saúde, Hélder Serafim, resolveu falar sobre o que está sendo classificado por ele, como um dos principais motivos da sua exoneração da secretaria Municipal de Saúde. “Eu fui vítima de ‘Fogo Amigo'”, disse na rádio Jornal, no ‘Café no Bule’, na manhã deste sábado (09).

O ex-secretário colocou ter sofrido ataques de pessoas do “baixo clero”. “Foram pessoas subordinadas a mim”, completa. Se diz ter sido alvo de ataques pessoais. “Soube que pessoas antes de irem pra secretaria, passavam primeiro na casa do Prefeito, para levar fuxico, depois iam trabalhar”, lamenta.

Hélder disse ter sofrido muitos ataques e deixou no ar que está muito magoado com William “Manchinha”, um funcionário da secretaria – pois quando da sua ida a Brasília, um outro funcionário ligado a manchinha propagou algumas conquistas nas redes sociais, creditando a William, além de fotos, sem ao menos mencionar o então secretário.

No mais, o secretário se limitou a tecer cometários sobre a atual administração municipal, embora sua chateação estava muito nítida. Se sabe de “algo podre” no reino da saúde municipal, ficou consigo. Para quem esperava que Hélder fosse dizer tudo que sabia, pode ter se frustrado. O resto é carnaval e beijinhos!!!

Por Roberto Alves

15 Comentários para: “ITAPETINGA: “EU FUI VÍTIMA DE ‘FOGO AMIGO'”, DISPARA EX-SECRETÁRIO

    1. anônimo

      Helder.tem ética não é desses quê sai do emprego.e detona os colegas de trabalho..é isso mesmo Helder.vá em frete políticos é assim mesmo.tudo falso.principalmente os hagges.

      Responder
      1. Arnaldo Antunes Aguiar

        Isso não é ética, é subserviência aos Caprichos e as maldade da família hagge. Porque se ele falar de mais, pode ter segredos revelados. Que segredo? Não sei, segredos, se eu soubesse não era segredo.

        Responder
  1. R. T. J.

    Estes governantes não tem personalidade não? Qualquer um faz fofoca e o prefeito e mae escutam e derrubam secretario? Então ele não tem pulso nem opinião para governar. Mas se a mae manda na prefeitura , ja mostra a fraqueza dele.

    Responder
  2. Arnaldo Antunes Aguiar

    Vocês querem saber porque o secretário foi exonerado? Então segue o meu raciocínio: a esposa de Hélder é filha de um inimigo histórico de Michel, trata-se de Carlos da Garota. Tanto Michel quanto Virgínia, mãe do prefeito, estavam incomodados com a influência da esposa do secretário nas decisões na área de saúde, e pediram a sua saída.
    A primeira providência que a dupla tomou a revelia do filho e neto prefeito, foi tirar a autonomia financeira da secretaria de saúde e passar para a fazenda, que tem o comando de Orlando, fiel escudeiro de Michel. Sem controlar as finanças e sem apoio político para enfrentar a senha da dupla Virgínia/Michel, ele não teve com se sustentar, o resto é mi mi mi.
    Vai ser assim até o final desse governo.

    Responder
    1. Uiu

      Kkkkkkkk o que incomoda vcs é pq sou político e realista, não sou muitos que estão na administração querendo levar vantagem, incomodo mesmo, aqueles quê querem enganar o nosso prefeito.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *