ITAPETINGA: MÉDICOS ESTÃO REVOLTADOS HÁ TRÊS MESES SEM RECEBER SALÁRIO

Itapetinga: uma cidade sem gestão…

O drama na saúde de Itapetinga no interior da Bahia, continua. Na noite desta segunda-feria (07.10), informações que chegam ao “Cidade Acontece” dão conta de que os profissionais médicos que prestam serviços na UPA, SAMU e nos postos de saúde, estão há três meses sem receber salário.

Se não bastasse as filas do CDM; a falta de medicamento nos postos; o não pagamento à Policlínica Regional; agora, os profissionais médicos sem receber salário há três meses. Definitivamente a saúde de Itapetinga chega ao fundo do poço. Onde estão colocando R$ 15 milhões de reais que entram todo mês na Prefeitura???

Por Roberto Alves

Seguir...

7 Comentários para: “ITAPETINGA: MÉDICOS ESTÃO REVOLTADOS HÁ TRÊS MESES SEM RECEBER SALÁRIO

  1. Euelio Rios

    Ora,ora caro redator, a população escolheu com o mote de uma campanha política um SARUE para dirigir seres humanos, que encarnado como tal, tem dado o nome desse bicho SARUE a suas propriedades, uma delas Haras Sarues, que com seu salário de dezoito mil reais, tem investido firme na criação de animais, inclusive sendo precocemente pelo pouco tempo, premiado com o melhor cavalo na exposição de Itapetinga. Não satisfeito como o maior cuidado de bichos e não de gente, conforme a grita da população, haja visto a sua acurada matéria, o nosso prefeito, tem postado nas redes sociais, seus belos cães americanos. Aliás já dizem que além de ter como cabos eleitorais a família Vieira Lima, deixa claro que a pecuária, gado, cavalo e cães, como os Vieras Lima com doze fazendas na região, tem sua inspiração, em administrar seu patrimônio (bichos) e não o cuidado com gente.

    Responder
  2. Pedro

    Itapetinga tem o prefeito que merece, vcs hoje que detonam a gestão, são os principais culpados do caos que a cidade está passando, a eleição está aí na porta, hora de vcs darem o troco ou não Itapetingense!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *