ITAPETINGA: MINISTÉRIO PÚBLICO FAZ JUSTIÇA E PARECER QUE PEDIA CASSAÇÃO DO VEREADOR DIGA DIGA TERÁ QUE SER ARQUIVADO

Ministério Público em seu parecer disse ser inválido

O vereador Diga Diga ganha mais uma e o parecer que pedia sua cassação terá que ser arquivado, mediante justiça feita pelo Ministério Público. O mesmo parecer que os vereadores não arquivaram, agora vão ter que arquivar.

Com a NÃO cassação do vereador Diga Diga, o prefeito e seus vereadores sofrem mais uma derrota histórica na política itapetinguense. 

O vereador Diga Diga estará nesta sexta-feira às 11h no programa “Hora da Verdade” na rádio Jornal explicando todos os detalhes sobre esse episódio. Durante à sessão o vereador se pronunciou nas redes sociais e disse ser um “processo de perseguição.” Veja:

Diga Diga  – “Primeiro me afastaram por 90 dias utilizando uma Lei Revogada, e agora passam vergonha, pois o Ministério Público em seu parecer disse ser inválido por não ser legítima a parte. Agora é arquivado o meu Processo de “Perseguição”. Minha luta continua contra todos que fizeram mal a mim; à minha família e aos meus amigos. Me escarneceram 90 dias. Em cada casa que eu entrar vou relatar desta perseguição política vivida por este vereador em 2019. O mandato do vereador é do povo. DEMOCRACIA respeitada”, disse.

O nomeado da Prefeitura, Moisés Prado, que entrou com pedido de Cassação do mandato do vereador Diga Diga, ficou revoltado e detonou os vereadores nas redes sociais. Veja:

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: PREFEITURA ABANDONA SERVIÇO PELA METADE E POPULAÇÃO DO PONTO CERTO DENUNCIA

Serviço abandonado no Ponto Certo 

Moradores e trabalhadores do Ponto Certo, especificamente na avenida Itabuna entraram em contato com nosso blog para denunciar mais um serviço pela metade feito pela Prefeitura. Leia Mais…