BAHIA: GOVERNADOR RUI COSTA E O DEPUTADO ROSEMBERG PINTO ESTIVERAM EM ITAPETINGA NA MANHÃ DESTA SEGUNDA-FEIRA 

Governador Rui e deputado Rosemberg em apoio a Itapetinga

No final da manhã desta-segunda-feira (27), o governador Rui Costa (PT), esteve visitando a cidade de Itapetinga, acompanhado do deputado estadual Rosemberg Pinto (PT) e também do ministro da Cidadania, João Roma.

O governador e o deputado Rosemberg avaliaram juntamente com prefeito os estragos causados pela enchente do rio Catolé e também seus impactos. Rui foi recepcionado no colégio Modelo pelo diretor do Núcleo Territorial de Educação – NTE 08 – Território Médio Sudoeste da Bahia, professor Alécio Chaves, pela vereadora do PT, Sibele Nery e pelo delegado e coordenador da 21ª Coorpin, Dr. Roberto Júnior.

Para dar mais agilidade na parte social, o governador montou uma base regional em Itapetinga, onde alimentos e materiais começaram a ser distribuídos de imediato, como mostra vídeo:

Este outro vídeo mostra os alimentos já dentro do colégio sendo organizados por voluntários. “Parabéns ao governador pela rápida ação em Itapetinga”, disse uma das atingidas pela enchente.

Acompanhado da primeira-dama do Estado, Aline Peixoto, Rui visitou os municípios de Itororó e Itapetinga e sobrevoou a região para verificar o trabalho de socorro, composto por 153 bombeiros e policiais militares

As forças baianas operam na região com apoio de agentes do Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Norte, Maranhão, Paraíba e Sergipe, além da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Vinte viaturas, 10 aeronaves, oito botes e um barco também foram mobilizados.

Além de Ilhéus, o governador implantou postos avançados em Itapetinga, Vitória da Conquista, Ipiaú e Santa Inês para facilitar o trabalho dos bombeiros e dar mais celeridade e eficiência às ações em outras regiões. Até o momento, o Corpo de Bombeiros confirmou 18 mortes em decorrência das chuvas.

Linhas de crédito

Nesta segunda-feira (27), Rui também anunciou que a linha de crédito para comerciantes que tiveram seus negócios destruídos pelas chuvas no sul e extremo sul será estendido para as outras regiões da Bahia que foram afetadas. O projeto de lei, enviado pelo governador e aprovado na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) no dia 14 de dezembro, prevê a liberação de R$ 20 milhões em financiamentos. Os empréstimos de até R$ 150 mil não terão cobrança de juros. Já nos empréstimos feitos acima desse valor incidirá a taxa CDI (Certificado de Depósito Interbancário). O prazo para pagamento será de até 48 meses, com 12 meses de carência.

Por Roberto Alves,
com informações da Ascom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *