ITAPETINGA: GUARDA MUNICIPAL ALGEMAR TRABALHADOR E LEVÁ-LO AO COMPLEXO POLICIAL VEM SURTINDO DURAS CRÍTICAS AO PREFEITO RODRIGO

Perseguição aos trabalhadores ambulantes continua 

O fato ocorreu na manhã desta sexta-feira (29) no centro da cidade de Itapetinga, interior da Bahia. Ivan Santos, um vendedor de lanche que usa seu carrinho de salgado para sustentar sua família, mais uma vez, e em tempos de PANDEMIA, é perseguido pela gestão e teve seu carrinho de lanche levando ao Complexo Policial pelos Guardas da prefeitura.

O trabalhador também foi ALGEMADO e levado pelos Gurdas Municipais. O fato causou indignação e revolta da população que fez vários vídeos que circulam nas redes sociais. É bom citar de que na hora da ação existiam outros vendedores no centro, porém, somente Ivan teve o seu carrinho de lanche levado.

  Ivan, como mostra a foto, está com um dos braços arranhado e disse sentir muitas dores. O efeito devastador e negativo para o prefeito Rodrigo Hagge e seu vice, Renan Pereira, foi de imediato. Confira as duras críticas nas redes sociais: 

Por Roberto Alves

9 Comentários para: “ITAPETINGA: GUARDA MUNICIPAL ALGEMAR TRABALHADOR E LEVÁ-LO AO COMPLEXO POLICIAL VEM SURTINDO DURAS CRÍTICAS AO PREFEITO RODRIGO

  1. Itapetinguense

    Que gestão está viu em meio a tudo que estamos vivendo ainda c… trabalhadores. Que vergonha desta gestão. 🤮🤮🤮🤮🤮

    Responder
  2. Sandra

    Na época de JCM também tinha esses mesmos da guarda municipal… e usando a força com os munícipes, tem vários vídeos da época divulgados em registro, então era JCM que mandava s guarda agir com agressividade?! Não, aculpa não é de que é prefeito seja quem for,que esteje no cargo, como s guarda diz que baseia na lei, ou essa lei está errada, ou a guarda principalmente o comandante esteja interpretando errada a lei,cabe vereadores tomar providências e mudar essa lei já deveria ter feito a anos atrás, não cabe mais ficar além de levar a mercadoria também ter que levar o vendedor a força, e outra não pode ficar levando para o complexo policial, quando for apreender tem que ser levado para s própria guarda, e não precisa o vendedor ir com s guarda,só avisar que precisa comparecer ao departamento da guarda para assinar algum termo e pegar a sua mercadoria, ao meu ver a guarda faz de propósito.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *