23 de fevereiro, 2024

SEMANA POLÍTICA

ITAPETINGA: DEPUTADO ANTÔNIO BRITO DEVERÁ FAZER UMA FALA QUE VAI ABALAR AS ESTRUTURAS DA POLÍTICA LOCAL

  • Cidade Acontece
  • 23 de fevereiro de 2024

É hoje, sexta-feira (23), o “Encontro de Lideranças de Itapetinga”, promovido pelo grupo do deputado…

Continue Reading »

POLÍTICA EM ITAPETINGA: “UMA COISA VOCÊ PODE TER CERTEZA: LÁ A GENTE NÃO FICA”

  • Cidade Acontece
  • 23 de fevereiro de 2024

"Uma coisa você pode ter certeza: lá a gente não fica", a frase é de…

Continue Reading »

STF CONDENA MAIS 15 RÉUS POR ATOS DE 8 DE JANEIRO

  • Cidade Acontece
  • 21 de fevereiro de 2024

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) condenou mais 15 réus acusados de participação nos atos…

Continue Reading »

ITAPETINGA: PRÉ-CANDIDATO A PREFEITO JOÃO DE DEUS RECEBE APOIO DE FEIRANTES DO BAIRRO PRIMAVERA

  • Cidade Acontece
  • 19 de fevereiro de 2024

Em uma maratona de visitas e reuniões, o presidente da Câmara e pré-candidato a prefeito,…

Continue Reading »

O deputado federal e ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia (PSDB-RJ) pediu à Polícia Civil da Bahia que investigue o casal bolsonarista que o hostilizou no Tivoli Ecoresort, localizado na Praia do Forte, litoral norte, por stalking. Em outra frente, o congressista requereu à Justiça que os condene por injúria e difamação pelas ofensas que recebeu em público. As informações são da colunista Bela Megale do jornal O Globo.

Os ataques aconteceram no último dia 20 quando Maia e sua companheira, a advogada Vanessa Canado, foram abordados no café da manhã por Hélio Camargo Junior e Tamara Renno. Enquanto usava um celular para filmar os ataques, Hélio desferiu diversos xingamentos, como:”ladrão” e “filho da p*uta”. Os dois bolsonaristas foram identificados a partir de dados fornecidos pelo hotel, após o registro de ocorrência policial.

Maia e sua companheira pediram que o casal lhes desse licença e parassem com as ofensas, sem sucesso. O deputado reagiu fazendo a letra“L” com a mão, em referência ao presidente eleito Lula da Silva, que venceu Bolsonaro nas eleições deste ano, com seu apoio.

No pedido de investigação, Maia afirma que a abordagem “intimidatória e agressiva” contra a sua integridade e a da companheira “desencadeou uma onda de xingamentos generalizados, a qual foi registrada em mais e mais vídeos”

Logo após o episódio, os próprios agressores divulgaram as imagens em redes sociais. “Dessa forma, os autores do fato intensificaram perseguição contra as vítimas, dessa vez atacando-as não mais presencialmente, mas por meio dessa divulgação dos vídeos, tudo para mantê-las em constante estado de abalo psicológico”, dizem os advogados de Maia, Ticiano Figueiredo e Pedro Ivo Velloso, na peça enviada à polícia.

O crime de stalking foi incluído na legislação brasileira no ano passado e consiste em perseguir alguém reiteradamente e por qualquer meio (inclusive pela internet, o que se designa como cyberstalking), “ameaçando-lhe a integridade física ou psicológica, restringindo-lhe a capacidade de locomoção ou, de qualquer forma, invadindo ou perturbando sua esfera de liberdade ou privacidade”. “O presente caso, como visto, ao que tudo indica, trata de ambos os casos de stalking, tanto presencial quanto virtual, na medida em que os ataques se iniciam pessoalmente, mas são renovados com a divulgação dos vídeos e posterior desencadeamento proposital de onda de compartilhamentos”, afirma a defesa de Rodrigo Maia.

Os advogados do parlamentar também enviaram uma queixa-crime ao Juizado Especial Criminal de Mata de São João, na Bahia na qual pedem a abertura de uma ação e a condenação dos bolsonaristas por injúria e difamação. No documento, Maia afirma que a abordagem foi desproporcional e extrapolou os direitos à crítica e à opinião.

Hélio Camargo Junior é sócio de três empresas, segundo os registros públicos da Receita Federal. Duas delas estão na lista da Dívida Ativa da União, com débitos tributários superiores a R$ 1 milhão. Em uma terceira empresa, ele é sócio de um empresário que foi condenado, em 2017, a três anos e meio de prisão por crime contra a ordem tributária. Em 2019, a empresa foi considerada inapta pela Receita Federal, por omissão de declarações.

Fonte: bn

WhatsApp
Facebook
Email

1 comentário em “RODRIGO MAIA PROCESSA CASAL BOLSONARISTA QUE O HOSTILIZOU EM HOTEL NA BAHIA ”

Deixe um comentário

YouTube Playlist Embed

Confira mais no site oficial da NOVATOPNET. Click aqui!

POLÍCIA

POLÍCIA CIVIL DO DF INDICIA JAIR RENAN BOLSONARO POR LAVAGEM DE DINHEIRO

  • Cidade Acontece
  • 16 de fevereiro de 2024

A Polícia Civil do Distrito Federal indiciou Jair Renan Bolsonaro, filho do ex-presidente Jair Bolsonaro…

Continue Reading »

HOMEM DIZ SER “DEUS” E MATA MÃE A FACADAS PARA TIRAR O DEMÔNIO DELA 

  • Cidade Acontece
  • 10 de fevereiro de 2024

Um homem de 38 anos foi preso pela polícia de Goiás suspeito de matar a…

Continue Reading »

CAPPELLI ACEITA CONVITE DE ALCKMIN PARA PRESIDIR ABDI 

  • Cidade Acontece
  • 31 de janeiro de 2024

Prestes a deixar a secretaria-executiva do Ministério da Justiça, o jornalista Ricardo Cappelli aceitou o convite de Geraldo

Continue Reading »

PERÍCIA CONFIRMA QUE TIRO QUE MATOU INDÍGENA NA BAHIA PARTIU DA ARMA DE FILHO DE FAZENDEIROS, PRESO APÓS CONFLITO

  • Cidade Acontece
  • 24 de janeiro de 2024

O resultado do laudo de microcomparação balística feito pelos peritos da Polícia Civil confirmou aos…

Continue Reading »

DEPUTADO ROSEMBERG PARTICIPA DA FESTA DO SENHOR DO BONFIM NESTA QUINTA-FEIRA

  • Cidade Acontece
  • 10 de janeiro de 2024

Movido pela fé, tradição e valorização da cultura ancestral, o deputado estadual Rosembeg Pinto (PT)…

Continue Reading »

ITAPETINGA: FILHO DO VEREADOR TUCA É O ANIVERSARIANTE DESTA QUARTA-FEIRA

  • Cidade Acontece
  • 10 de janeiro de 2024

Nesta quarta-feira (10.01) quem comemora mais um ano de vida é Antônio Carlos Gomes Júnior,…

Continue Reading »